Version final-1

palestra: Reforma agrária do ciberespaço

Estratégias de autodefesa para sites

Event large

Uma introdução a segurança digital para sites com o objetivo de incentivar a existência de espaços fora dos "jardins murados" dos grandes portais. Práticas simples e acessíveis para ajudar na defesa e demarcação desses espaços, sua disponibilidade e resiliência.

"A internet já foi considerada uma força democratizante, onde qualquer pessoa pode publicar e defender suas ideias. Hoje, no entanto, o custo da liberdade de expressão pode ser diretamente vinculado ao custo de lutar contra os ataques para silenciá-la."

A existência de "jardins murados" (termo criado por Tim Berners-Lee para criticar a privatização dos espaços digitais por grandes companhias) torna muito mais cômodo criar um espaço digital - um blog, um forum, uma página - dentro das fronteiras desses portais. Essas plataformas, porém, atendem a interesses comerciais e podem limitar o alcance, censurar conteúdo e alterar arbitrariamente suas políticas de uso de dados. Nesse contexto, manter um site se torna uma forma de resistência a centralização da internet.

Sabemos também que muitas vezes esses sites, mantidos de maneira "caseira", ficam vulneráveis a ataques de grupos de ódio ou outras formas de cerceamento da liberdade de expressão. É preciso fortalecer e proteger nossa rede. Queremos discutir estratégias de segurança digital acessíveis, começando por compreender a delimitação física do seu território - seu site - sua hospedagem, seu servidor, suas vulnerabilidades. Uma introdução a segurança digital para sites com o objetivo de incentivar essa descentralização; práticas simples que podem ajudar essa rede a se proteger e a garantir mais disponibilidade e resiliência. Manter um site dá trabalho. Ele possivelmente será atacado. Mas a paranoia da segurança não pode nos colocarem condomínios fechados!